Portal O Debate
Grupo WhatsApp

O MP, o prefeito e o camelô

A prefeitura de São Paulo será chamada, nos próximos dias, a recolher uma multa de R$ 15,8 milhões, por não ter fiscalizado e impedido o trabalho irregular de camelôs na Rua 25 de Março, no Brás e em outros pontos centrais hoje dominados pelo comércio ilegal e controlados por verdadeiras máfias.


Almoço do Dia das Mães

Uma geração já havia sido ceifada. Os avós já não estavam presentes, a não ser nas lembranças de cada um, com maior ou menor intensidade.. Estavam todos em volta da mesa.


Diretores da Câmara

Eis que o Senado se tornou o símbolo máximo atual de malfeitorias na Administração Pública brasileira. Nunca foi nem melhor nem pior do que muitos órgãos públicos. Seus escândalos repercutem mais por ter sempre passado a imagem de uma freira ilibada, quando se tratava de uma mulher mundana.


O castelo de areia, o joio e o trigo

Pontificam no cenário nacional as diferentes operações realizadas com eficiência pela Polícia Federal, com suporte no Ministério Público, que têm levado indistintamente para a cadeia empresários, altos executivos, policiais e até políticos.


A hora do impossível, é agora

Um dos destaques da semana foi o firme pronunciamento do presidente Lula pelo fim do bloqueio dos EUA a Cuba.


A farra da indenização

As discutíveis indenizações aos perseguidos do regime militar voltam a ocupar grande espaço na mídia.


Educação, Corrupção e Democracia

Durante a ditadura militar, um dos argumentos dos conservadores era de que no Brasil "os pobres, o povo brasileiro, não estava preparado para votar".


Mesada como ferramenta para educação financeira

A Educação Financeira das crianças deve começar desde cedo. Assim, além da escola, os pais possuem um papel fundamental nesse processo. Um artifício para inserir os filhos no mundo da educação financeira são as mesadas.


Protógenes, louco ou patriota?

Desde julho do ano passado, quando a "Operação Satiagraha", tornou-se conhecida do público, o seu executor, delegado federal Protógenes Queiroz, está guindado ao status de personalidade.


Flexibilizar a legislação trabalhista?

A crise, ao que parece, chegou de vez. Notícias de dispensa em massa de trabalhadores, concessões de férias coletivas, redução da jornada e do salário passaram a ser cotidianas.


O patriotismo e a cidadania

Desde os tempos da abertura política, ocorrida no final dos anos 70, o culto ao patriotismo, lamentavelmente, ficou fora de moda.


Corrupção sem fim

Não precisa ser gênio nem muito pessimista para perceber que essa é a palavra que melhor define a situação atual e de há muito deste País.