Portal O Debate
Grupo WhatsApp


Entenda porque amor é diferente de paixão

Entenda porque amor é diferente de paixão

14/08/2019 Alexandre Pedro

Você sabe diferenciar o amor da paixão?

Pois saiba que, apesar das semelhanças, os sinais de que alguém está apaixonado são bem diferentes de quem está amando.

O amor, normalmente, está relacionado a um sentimento bonito, estável e sereno, enquanto a paixão é tida como arrebatadora, turbulenta e, muitas vezes, sofrida.

Na paixão, enxergamos no outro aquilo que desejamos que ele fosse, e não o que ele realmente é. Ou seja, o parceiro é idealizado e transformado em um personagem.

Já o amor estabelece um padrão mais homeostático. Vemos o outro com seus defeitos e suas virtudes, de forma mais estática, e o amamos mesmo sabendo que ele não é perfeito ou completo.

A palavra “paixão” vem do termo grego Pathos, cujo conceito está relacionado a sofrimento, a algo que nos invade, domina nossos pensamentos e nos faz sair do nosso controle.

Por outro lado, o amor é menos intenso, mais pacato, mais confortável, mais controlável e menos temido.

Seria difícil estabelecer qual dos dois sentimentos tem mais valor. No período medieval, a paixão era considerada uma doença para a maioria das pessoas. Já para os românticos era uma forma, talvez a única, de se relacionar amorosamente.

Algumas pesquisas empíricas sustentam que a paixão duraria algo em torno de seis meses. No entanto, penso que determinar um tempo cronológico específico para a paixão seja como cercear as narrativas individuais, que são únicas e particulares.

O amor parece ter uma vida mais longa. Para Nelson Rodrigues, “todo amor é eterno; se morreu, não era amor”.

Para a paixão se transformar em amor, primeiramente, ocorre uma quebra da fantasia criada em relação ao parceiro, que deixa de ser uma projeção e passa, lentamente, a ser visto como ele é.

Neste processo há, naturalmente, uma perda afetiva imaginária, já que o ideal de perfeição primário dá lugar ao que é real.

Assim que houver a aceitação desse processo e o surgimento de uma nova forma de identificação, o amor passa a existir.

Em suma, amor e paixão são estados que se parecem, mas, no fundo, são bem distintos e não se camuflam. São sentimentos em estágios diferentes e que manifestam sensações e reações que, muitas vezes, são desconhecidas por nós mesmos.

* Alexandre Pedro é psicanalista pela Sociedade Internacional de Psicanálise de São Paulo, Master Practitioner de PNL filiado ao NLP Academy, Hipnoterapeuta filiado ao International Board of Hipnosys e ao National Guild of Hipnotists.

Fonte: Flávia Ghiurghi



A CPMF e a saída do seu autor

A CPMF foi mal porque, em vez de substituir outros impostos, constituiu-se em mais um.


CPMF: o que foi e como poderá ressurgir na reforma tributária

O Imposto sobre Transações Financeiras (ITF) poderá ser a recriação antiga CPMF.


O Brasil e a agropecuária sustentável

A pecuária brasileira tem se pautado ao longo dos anos pela sustentabilidade em toda cadeia produtiva e pela qualidade e segurança dos alimentos.


“Tô de férias, cadeia é férias pra mim”

É uma vergonha que delinquentes ainda venham desdenhar do sistema carcerário e das autoridades penais.


Locações de curta temporada em aplicativos

Saiba os direitos e deveres da propriedade imobiliária.


O Século das Cidades

“Não somos melhores, nem piores, somos iguais… melhor mesmo é a nossa causa…” (Thiago Mello)


Hollywood e o mundo real

Uma abordagem psiquiátrica do filme Gente como a Gente.


A liderança feminina e seus potenciais

Companhias que possuem, pelo menos, uma mulher em seu time de executivos são mais lucrativas.


A bolsa brasileira é a bola da vez

O ano de 2019 tem sido de recordes para o investidor brasileiro.


Dia do Profissional de Educação Física

No dia 1º de setembro é comemorado o dia do profissional que promove a saúde e a qualidade de vida da população, o profissional de educação física.


A complexidade do saneamento

O Congresso Nacional tem a grande missão de dar um rumo certo para o saneamento brasileiro.


Como a constelação familiar te ajuda nos negócios?

A constelação familiar acredita que somos produto da nossa ancestralidade.