Violência

A violência que assola o país virou fato cotidiano.


Autor: Bady Curi Neto

10/08/2017 - 10:00

A maioria da população brasileira não se assusta mais. Passou a ser corriqueiro nas páginas de jornais e na televisão, podendo ser tratada até como um fato trivial, como se fossemos acostumados e obrigados a conviver diuturnamente com assaltos, homicídios, latrocínios e outros tipos penais.

O Brasil está entre os vinte países mais violentos do mundo, sendo que das 50 cidades mais violentas nosso país possui 19 delas, segundo o Global Peace Index 2017. No Rio de Janeiro, em suas favelas, hoje chamadas de comunidades, é habitual a troca de tiros entre policiais e traficantes, que acaba, vez por outra, com a morte, por bala perdida, de inocentes, pessoas obreiras que lá residem pela pouca condição financeira, e tornam-se reféns desta violência descomedida.

A bandidagem não utiliza mais revólveres e pistolas, está fortemente armada com fuzis de alto calibre e alcance, fazendo com que as trocas de tiros com policiais se tornem cada vez mais distantes, em um verdadeiro campo de guerra. A média de policiais mortos no Brasil é de um a cada 32 horas, importante destacar que vários deles não estão nem a serviço, são mortos pelo simples fato de serem policiais.

Em várias capitais do país os policiais não voltam para casa fardados com medo de serem identificados e alvejados por criminosos. Entre 2011 e 2015, a violência no Brasil matou mais pessoas que a Guerra na Síria, segundo dados do Fórum Brasileiro de Segurança Pública (FBSP). Evidente que por traz da violência está a falta de oportunidades (escola, educação, saúde, etc.) aos menos favorecidos, que veem no crime uma maneira mais fácil de sobrevivência.

Deve-se, por óbvio, atacar a causa, mas também conter as consequências. Pergunta-se: O problema não tem solução a curto prazo? Continuaremos a viver em uma guerra civil que os governantes insistem em negar, apesar dos números de óbitos e da violência? Tem-se de dar fim a este cinismo em prol da segurança pública. Não é possível ver e conviver com policiais e pessoas inocentes sendo mortas em razão da alta criminalidade que assola o país.

Não podemos assistir pela televisão bandidos fortemente armados impondo suas próprias leis em comunidades carentes, o Estado deve estar presente em todos os locais e comunidades. Tem-se que assumir que vivemos em uma guerra civil entre a criminalidade e pessoas obreiras. Deve-se dar um basta nos falsos direitos humanos, que jamais preocupam-se com a vítima ou com os policiais, apenas com os malfeitores.

O que fazer? Além do óbvio, que é o aumento do policiamento em estradas, ruas e fronteiras, e a permissão de uma atuação policial mais efetiva. Se uma emissora de televisão consegue filmar bandidos fortemente armados, desfilando com fuzis, porque esperar o enfrentamento policial a distância, colocando em risco a vida da população e dos próprios policiais, com trocas de tiros a quilômetros de distância e não permitir que sejam alvejados por atiradores de elite?

Quando a bandidagem atenta contra a vida de um policial, ela atenta contra a vida de qualquer cidadão desprotegido de defesa. Ou reconhecemos que estamos em uma guerra civil e permitimos que o Estado aja nesta circunstância ou estaremos fadados a reconhecer o crime como algo natural.

* Bady Curi Neto é advogado fundador do Escritório Bady Curi Advocacia Empresarial, ex-juiz do Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais (TRE-MG).





Escola online de negócios investe no Brasil

IEBS traz três novos programas na língua portuguesa.


Setor de serviços cai 1% em agosto, diz IBGE

Mundo Empresarial

Setor de serviços cai 1% em agosto, diz IBGE

O volume do setor também recuou no acumulado do ano (-3,8%) e no acumulado de 12 meses (-4,5%).


Confira os temas para focar nos estudos para o ENEM

Educação & Capacitação

Confira os temas para focar nos estudos para o ENEM

Faltando um mês para as provas, saiba como identificar temas clássicos e se preparar para o exame.


Um terço dos estagiários paga pela própria faculdade

Pesquisa mostra que remuneração não é o fator mais importante para o jovem que busca esse tipo de vaga.



Seis elementos que provocam uma crise de asma

Saúde

Seis elementos que provocam uma crise de asma

Muitos pacientes e cuidadores se sentem inseguros em relação aos sintomas e ao tratamento da doença


Musical Elvis Tribute, The Kings is Back chega a BH

Notas Musicais

Musical Elvis Tribute, The Kings is Back chega a BH

Show em Belo Horizonte será no dia 18 de outubro no Teatro Bradesco.


Pesquisa indica que 67% das rodovias têm boas condições

Pesquisa feita pelo DNIT analisou 52 mil quilômetros da malha viária federal.


Filme sobre césio-137 é premiado na Alemanha

Na Tela

Filme sobre césio-137 é premiado na Alemanha

Festival premia curta sobre maior acidente radiológico do mundo, registrado em Goiânia, há 30 anos.


ESPM abre curso para quem quer se candidatar para eleição

Briefing

ESPM abre curso para quem quer se candidatar para eleição

Aulas a distância ensinam técnicas e conceitos para futuros políticos.


Papa canoniza mártires de Cunhaú e Uruaçu

Café Pequeno

Papa canoniza mártires de Cunhaú e Uruaçu

Processo de canonização dos 30 mártires brasileiros durou 15 anos.


 Bancos apostam em dispositivos para substituírem cartão

Digital

Bancos apostam em dispositivos para substituírem cartão

Compras poderão ser pagas através de adesivos e pulseiras.


Boeing compra empresa de pilotagem autônoma

Transporte Hoje

Boeing compra empresa de pilotagem autônoma

Empresa pretende fabricar aviões sem pilotos.


Leberkäse, o queijo que não é queijo

Alimentos e Bebidas

Leberkäse, o queijo que não é queijo

Bolo de carne é servido em fatias, dentro do pão ou como refeição, coroado com um ovo frito.


Os impostos nos presentes do Dia das Crianças

Brinquedos como videogames têm somatória de impostos que chegam a quase 100%.


 Transportadora testa energia solar em carreta

Energia para a Vida

Transportadora testa energia solar em carreta

Tecnologia fotovoltaica transfere energia para compartimentos eletrônicos.


 Brasileiros apostam na alimentação caseira

Alimentos e Bebidas

Brasileiros apostam na alimentação caseira

Preparo da marmita representa economia e alimentação saudável.


Horário de verão 2017 começou neste domingo

Desta vez, o horário de verão vai de 15 de outubro a 17 de fevereiro de 2018.



Biblioteca Pública de BH abre edital para galerias

Noticias Culturais

Biblioteca Pública de BH abre edital para galerias

Voltado a artistas de todo o país, iniciativa contempla seis propostas direcionadas às artes visuais


Expedição mapeia reservas naturais em Minas

Ciência & Ambiente

Expedição mapeia reservas naturais em Minas

Caminhos dos Gerais visa avaliar o impacto das unidades de conservação ambiental no Território Norte


A nudez através da arte

Um dos motivos mais antigos e explorados por artistas – o corpo humano nu – ainda causa controvérsia. Tema serviu muitas vezes para quebrar tabus, em diferentes épocas.


Microsoft afirma que não haverá diferença entre online e off-line

Na Tela

Microsoft afirma que não haverá diferença entre online e off-line

Com a evolução acelerada das tecnologias, em breve, o mundo virtual e o real se convergirão.


App encontra cuidador para o seu pet quando for viajar

Entre Patas

App encontra cuidador para o seu pet quando for viajar

Plataforma reúne anfitriões que hospedam animais de estimação em todo o Brasil.


Brasil precisa reduzir desigualdades na educação

Educação & Capacitação

Brasil precisa reduzir desigualdades na educação

As desigualdades regionais aparecem muito fortemente em todos os indicadores de relatório.


36% dos brasileiros com mais de 50 anos ainda trabalham

Café Pequeno

36% dos brasileiros com mais de 50 anos ainda trabalham

Pesquisa revela que 51% das pessoas com mais 50 anos dependem da renda do trabalho.


Safra de grãos deverá ser menor em 2017/2018

Café Pequeno

Safra de grãos deverá ser menor em 2017/2018

A safra de grãos fechar o período com redução de 4,3% a 6%.


Tempo Festival faz ocupação inédita no Theatro Municipal

Noticias Culturais

Tempo Festival faz ocupação inédita no Theatro Municipal

A partir de 13 de outubro, diversos espaços do Theatro no Rio recebem uma programação teatral.