Portal O Debate
Grupo WhatsApp

A auditoria do futuro

A auditoria do futuro

07/06/2021 Márcio Santos e Alessandro Sato

Conectada às inovações proporcionadas pela tecnologia, a profissão do auditor independente vem enfrentando grandes desafios.

Por um lado, os clientes pedem uma auditoria de maior valor agregado e, por outro, o regulador naturalmente demanda cada vez mais confiabilidade e alto grau de precisão das informações auditadas.

Tudo isso ocorre em um mundo em que a velocidade das transformações digitais e a inovação esbarram em um segmento altamente regulado e complexo em diversas vertentes de negócios.

Nesse cenário de evolução tecnológica constante, os processos de análise de dados têm sido desenvolvidos e aprimorados na auditoria para substituir os procedimentos que eram executados em formato de amostragem com grande volume de documentos para serem verificados.

Com o uso desse recurso, o processamento massivo de informações estruturadas é feito em segundos. Dessa forma, todas as exceções são identificadas nas operações, aumentando o nível de precisão e melhorando o foco da auditoria nos riscos específicos dos clientes.

Com base nos resultados obtidos, as empresas de auditoria passam a ter uma visão mais clara das tendências em segmentos de diversos negócios.

Se, por um lado, as tecnologias de análises massivas de dados estruturados ajudam a processar e entender as tendências e expectativas para certos tipos de operações, por outro, o uso da inteligência artificial permite a análise de dados que não são estruturados.

Quando há informações para serem analisadas que não podem ser previstas por um algoritmo de predição padrão, a inteligência artificial entra em cena.

A auditoria tem utilizado esta tecnologia pera leitura e interpretação de contratos jurídicos, debêntures, atas de reuniões, normas de contabilidade, demonstrações financeiras e para tomadas de decisão na aplicação de normas e regulamentos.

Os benefícios são muitos, mas requerem alto grau de investimento e manutenção dessas ferramentas que precisam ser monitoradas quanto à assertividade e à confiabilidade.

Como um consolidador das atividades de análise de dados e de inteligência artificial, o processo com o uso de automação robótica (Robotic Process Automation) e análise de dados (data & analytics) tem como propósito principal a escalabilidade.

Tais recursos têm sido ferramentas-chave na automação de procedimentos de auditoria, podendo auxiliar em recálculos simples e em análises mais sofisticadas, como expectativas e projeções de faturamento de um negócio, cálculos de perda na realização de ativos, processo de confirmação eletrônica de saldos.

O uso dessas tecnologias indica um caminho para se redesenhar a forma como a auditoria é vista atualmente, com a intervenção mínima do ser humano, garantindo ao auditor o foco principal no processo de conclusão e julgamentos relevantes.

Outro tipo de ferramenta que tem colaborado para o desenvolvimento da profissão do auditor tem sido os drones.

Na auditoria, eles são utilizados em algumas frentes, considerando o propósito esperado e o objetivo a ser coberto. Os processos de inventário físico, inspeções e medições são os mais beneficiados pelo uso dessa tecnologia.

Na agricultura, auxiliam na medição de pastagens e áreas de plantio, na contagem do rebanho e na inspeção geral da propriedade.

Eles também são eficientes para vistorias de linhas de transmissão e distribuição de energia elétrica, inspeções e medições de minas, plataformas de petróleo e usinas.

Em suma, visando atender os reguladores e criar valor ao trabalho prestado, as firmas de auditoria têm se redesenhado na busca por inovação para entregar projetos dentro dos padrões de confiabilidade requeridos pelas normas e ainda criar um diferencial para os clientes.

Em tempos em que as mudanças tecnológicas e a inovação são quase uma obrigação, é nítido que essas empresas já não são mais as mesmas de alguns anos atrás.

Elas têm focado em desenvolver ferramentas e soluções que agregam alta tecnologia, buscando consistência e qualidade na entrega dos produtos.

Provavelmente, veremos mudanças ainda mais relevantes nessa atividade nos próximos anos. Os benefícios são muitos, mas requerem alto investimento e constante atualização tecnológica e de novas ideias.

* Márcio Santos e Alessandro Sato são sócios de auditoria e inovação da KPMG.

Para mais informações sobre auditoria clique aqui…

Publique seu texto em nosso site que o Google vai te achar!

Fonte: Ricardo Viveiros & Associados - Oficina de Comunicação



O bullying retorna a sala de aula

Os últimos anos trouxeram intensa mudança para o universo escolar.

O bullying retorna a sala de aula

Ser mãe é padecer… de cansaço?

Há um ditado que afirma que “ser mãe é padecer no paraíso”, remetendo às contraditórias emoções que seriam desencadeadas pelas vivências cotidianas da maternidade.

Ser mãe é padecer… de cansaço?

Polícia liberada para trabalhar como sabe

Os contumazes amantes da desordem e defensores intransigentes dos criminosos torceram o nariz quando o governador Rodrigo Garcia determinou o aumento do número de policiais nas ruas (a cidade de São Paulo aumentou de 5 mil para 9.740 o número de policiais em ação) e declarou que quem levantar arma contra a polícia vai levar bala.


Eleições e os bélicos conflitos entre os Poderes

O Presidente da República, Jair Bolsonaro, e, agora, as Forças Armadas estão aumentando a ofensiva contra a transparência e a segurança do processo eleitoral no Brasil.


Os amores de Salazar

O conceito que se tem de Salazar, é de político solitário, déspota e por vezes impiedoso. Mas seria o estadista, realmente, assim?


Expectativa de grande crescimento

Em função da pandemia causada pela covid-19, os anos de 2020 e 2021 foram bastante desafiadores, particularmente para a indústria de máquinas e equipamentos.


A importância da diversificação de investimentos em diferentes segmentos

Mesmo com os desafios impostos por dois anos de pandemia, o volume de investimentos para iniciativas brasileiras em 2021 foi expressivo.


Muito além do chip da beleza

Você, com certeza, nos últimos meses já ouviu falar do famoso “chip” da beleza.


Educação para poucos é o avesso de si

Intitulado “Reimagining our futures together: A new social contract for education”, um estudo recente da Unesco é categórico logo nas primeiras páginas: “Nossa humanidade e Planeta Terra estão sob ameaça”.


Mãe: Florescer é não se esquecer de viver!

Tenho experimentado que o “traço de mãe”, plantado por Deus no coração de cada mulher que Ele criou, vai além da capacidade de gerar filhos, biologicamente.

Mãe: Florescer é não se esquecer de viver!

Bullying: da vítima ao espectador

O bullying é um tipo particular de violência, caracterizado por agressões sistemáticas, repetitivas e intencionais, contra um ou mais indivíduos que se encontram em desigualdade de poder, gerando sofrimento para as vítimas, agressores e comunidade.


Desafios e oportunidades para o saneamento

Considerado um dos menos atrativos na infraestrutura, o setor de saneamento passa por uma profunda mudança de paradigma com a aprovação da Lei 14.026/2020.

Desafios e oportunidades para o saneamento