Portal O Debate
Grupo WhatsApp

A importância da internacionalização das empresas nos dias atuais

A importância da internacionalização das empresas nos dias atuais

11/06/2021 José Santana Junior

Após as duas grandes guerras mundiais, e com o posterior início da Guerra Fria, ocorreu um despertar por parte da humanidade, marcado pela queda do Muro de Berlim.

Antes, o foco principal dos governantes era fazer do seu país “o melhor”. Tal ideia custou um preço tão alto às nações idealizadoras, que até mesmo as principais percursoras mudaram o entendimento.

Depois de um dos momentos mais obscuros vividos pelo homem, foram inúmeras as transformações humanitárias vivenciadas. E o mundo comercial também sofreu o impacto.

Com a potencialização da globalização e evolução constante das tecnologias, tornou-se ainda mais improvável identificar os países como completamente independentes uns dos outros, constatando-se, de uma vez por todas, que a verdadeira prosperidade não é possível em isolamento autárquico.

O comércio entre os países foi um dos setores mais aperfeiçoados, pois foi identificado, na prática, o ensinamento de Kant: “O espírito do comércio não pode coexistir com a guerra”. 

A transação internacional entre empresas de diferentes países é essencial não só pela necessidade de recursos naturais, mas também porque o comércio internacional é uma condição para que a humanidade mantenha-se pacífica, menos preconceituosa e com a certeza do quanto todos são interdependentes entre si.

No entanto, se o universo empresarial é muito dinâmico em sua esfera interna, imaginemos só a quantidade e velocidade das mudanças vivenciadas pelas companhias que fazem empreendimentos internacionais.

Portanto, é preciso que os administradores de empresas internacionalizadas tenham um jurídico especializado no assunto, para os assistirem, viabilizando soluções pacíficas das controvérsias que venham a surgir, conforme determina o artigo 33, da Carta das Nações Unidas.

Vale ressaltar que, a empresa que deseja se internacionalizar necessita de um planejamento tributário bastante eficaz, de modo a evitar possíveis bitributações e abusos de direito, identificando quais são as maiores vantagens e saídas fiscais, com objetivo de alavancar os negócios.

Além disso, ainda que os interesses das partes mudem, se houver um jurídico apto, pode ser preservado os direitos e obrigações dos membros.

Caso haja organização e orientação adequada, desde os desembaraços aduaneiros até a entrega final do produto, muitos resultados positivos podem ser alcançados, sendo o comércio internacional uma ótima estratégia para os empresários que desejam obter maiores vantagens competitivas, fortalecendo sua marca, aumentando da carteira de clientes e fugindo da sazonalidade.

Melhoras não ocorrem só no âmbito privado, mas também público, dado que o país terá um mercado mais diversificado e competitivo, melhorando a qualidade dos produtos e maior capital de giro nacional.

* José Santana Júnior é advogado especialista em Direito Internacional e Empresarial e sócio do escritório Mariano Santana Sociedade de Advogados.

Para mais informações sobre empresas internacionalizadas clique aqui…

Publique seu texto em nosso site que o Google vai te achar!

Fonte: Ex-Libris Comunicação Integrada



O bullying retorna a sala de aula

Os últimos anos trouxeram intensa mudança para o universo escolar.

O bullying retorna a sala de aula

Ser mãe é padecer… de cansaço?

Há um ditado que afirma que “ser mãe é padecer no paraíso”, remetendo às contraditórias emoções que seriam desencadeadas pelas vivências cotidianas da maternidade.

Ser mãe é padecer… de cansaço?

Polícia liberada para trabalhar como sabe

Os contumazes amantes da desordem e defensores intransigentes dos criminosos torceram o nariz quando o governador Rodrigo Garcia determinou o aumento do número de policiais nas ruas (a cidade de São Paulo aumentou de 5 mil para 9.740 o número de policiais em ação) e declarou que quem levantar arma contra a polícia vai levar bala.


Eleições e os bélicos conflitos entre os Poderes

O Presidente da República, Jair Bolsonaro, e, agora, as Forças Armadas estão aumentando a ofensiva contra a transparência e a segurança do processo eleitoral no Brasil.


Os amores de Salazar

O conceito que se tem de Salazar, é de político solitário, déspota e por vezes impiedoso. Mas seria o estadista, realmente, assim?


Expectativa de grande crescimento

Em função da pandemia causada pela covid-19, os anos de 2020 e 2021 foram bastante desafiadores, particularmente para a indústria de máquinas e equipamentos.


A importância da diversificação de investimentos em diferentes segmentos

Mesmo com os desafios impostos por dois anos de pandemia, o volume de investimentos para iniciativas brasileiras em 2021 foi expressivo.


Muito além do chip da beleza

Você, com certeza, nos últimos meses já ouviu falar do famoso “chip” da beleza.


Educação para poucos é o avesso de si

Intitulado “Reimagining our futures together: A new social contract for education”, um estudo recente da Unesco é categórico logo nas primeiras páginas: “Nossa humanidade e Planeta Terra estão sob ameaça”.


Mãe: Florescer é não se esquecer de viver!

Tenho experimentado que o “traço de mãe”, plantado por Deus no coração de cada mulher que Ele criou, vai além da capacidade de gerar filhos, biologicamente.

Mãe: Florescer é não se esquecer de viver!

Bullying: da vítima ao espectador

O bullying é um tipo particular de violência, caracterizado por agressões sistemáticas, repetitivas e intencionais, contra um ou mais indivíduos que se encontram em desigualdade de poder, gerando sofrimento para as vítimas, agressores e comunidade.


Desafios e oportunidades para o saneamento

Considerado um dos menos atrativos na infraestrutura, o setor de saneamento passa por uma profunda mudança de paradigma com a aprovação da Lei 14.026/2020.

Desafios e oportunidades para o saneamento