Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Acenda a luz dentro de você!

Acenda a luz dentro de você!

23/12/2014 Andrea Cabral

Dezembro. Festas, presentes, reuniões de fim de ano...

Enquanto penso em todos os eventos que acontecem neste mês, escuto o samba enredo de uma grande escola de samba carioca que diz: ”A luz dentro de você... Acenda!”. Essa frase me fez parar e refletir sobre as comemorações natalinas e sobre a vida em geral!

No final do ano, as pessoas sentem-se pressionadas a finalizar seus afazeres. O Natal e o Reveillon passam a ser datas limites para tudo. Visando cumprir o calendário, todos se deixam envolver por uma atmosfera mental equivocada de angústia e ansiedade. Esquecem de pensar no que realmente significa apreciar e viver plenamente essa data.

O Natal marca o nascimento de Jesus e representa o surgimento de uma nova ideia, o Cristo, que traz a mensagem de paz, harmonia e união, por ser a manifestação do Amor divino.

Em certo relato bíblico, quando Jesus diz que é preciso nascer de novo, questionam-lhe: “Mestre, como voltar ao ventre materno?” Entretanto, Jesus se referia ao renascer espiritual. Mais tarde, Paulo interpreta e expande essa ideia, explicando que o transformar-se depende da renovação da mente: mudar a forma de pensar.

Por esse motivo, diante do turbilhão de acontecimentos que precedem o Natal é importante acalmar o pensamento e perceber qual “ideia” gostaríamos que nascesse ou renascesse em nós.

Pense: Se algumas qualidades estivessem expostas em uma vitrine, quais você escolheria?

Acenda a luz dentro de você mesmo e veja que tudo o que precisa já está à sua disposição. A paz infinita trazida pelo Cristo é capaz de restaurar as relações, a harmonia e a saúde.

A letra do samba enredo que estava ouvindo, continua assim: “Nada é maior do que o amor, entenda...”

* Andrea Cabral, jornalista e advogada, atua como Comitê de Publicação da Ciência Cristã para o Brasil - [email protected]



Análise de dados e a saúde dos colaboradores nas empresas

Como a análise de dados está ajudando empresas a melhorar a saúde dos colaboradores.


16 senadores suplentes, sem votos, gozam das benesses no Senado

Quando o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), pretende colocar em votação Emenda Constitucional para acabar com a figura de SENADOR SUPLENTE?


Há tempos são os jovens que adoecem

Há alguns anos o Netflix lançou uma série chamada “Thirteen Reasons Why”, ou, em tradução livre, “As Treze Razões”.


Administração estratégica: desafios para o sucesso em seu escritório jurídico

Nos últimos 20 anos o mercado jurídico mudou significativamente.


Qual o melhor negócio: investir em ações ou abrir a própria empresa?

Ser um empresário ou empresária de sucesso é o sonho de muitas pessoas.


Intercooperação: qual sua importância no pós- pandemia?

Nos últimos dois anos, o mundo enfrentou a maior crise sanitária dos últimos 100 anos.


STF e a Espada de Dâmocles

O Poder Judiciário, o Ministério Público e a Polícia Investigativa são responsáveis pela persecução penal.


Lista tríplice, risco ao pacto federativo

Desde o tempo de Brasil-Colônia, a lista tríplice tem sido o instrumento para a nomeação de promotores e procuradores do Ministério Público.


ESG: prioridade da indústria e um mar de oportunidades

Uma pesquisa divulgada recentemente pelo IBM Institute for Business Value mostra que a sustentabilidade tem ocupado um lugar diferenciado no ranking de prioridades de CEOs pelo mundo se comparado a levantamentos anteriores.


Como conciliar negócios e família?

“O segredo para vencer todas as metas e propostas é colocar a família em primeiro lugar.”, diz a co-fundadora da Minucci RP, Vivienne Ikeda.


O limite do assédio moral e suas consequências

De maneira geral, relacionamento interpessoal sempre foi um grande desafio para o mundo corporativo, sobretudo no que tange aos valores éticos e morais, uma vez que cada indivíduo traz consigo bagagens baseadas nas próprias experiências, emoções e no repertório cultural particular.


TSE, STF e a censura prévia

Sabe-se que a liberdade de expressão é um dos mais fortes pilares da democracia.